segunda-feira, 21 de maio de 2012

Livro sobre a família Vandersee

Muito feliz, comunicamos que o livro "Ribeiro Limpo" a história da família Vandersee, ficou pronto.

Estamos compartilhando com vocês o livro Ribeiro Limpo, a história da família Vandersee (Wandersee). Uma obra de 202 páginas que restrata toda a história de formação desta família na Pomerânia, assim como todos os dados genealógicos encontrados que partem de 1724 em diante, formação do sobrenome, imigração e outras tantas informações.

Para quem tiver interesse, o livro já está registrado e a venda online no link: RIBEIRO LIMPO

sexta-feira, 16 de março de 2012

Foto do Brasão desenhado a mão de 1708

Grupos minoritários

Grupos minoritários

Vários foram os grupos minoritários em Santa Leopoldina, tais como portugueses, ingleses, franceses, belgas, poloneses e outros. No entanto, tiveram seu papel essencial na colonização deste município capixaba.

Famílias diversas que colonizaram Santa Leopoldina:

  • ABAD - Vindos da Espanha em 1889 no Navio Araruama, chefe de família JUAN ABAD.
  • AMARAL - Vindos de Beira Alta, distrito de Fornos D'Algodres em 1893 no Navio Entre Rios em 2 indivíduos, chefe de família JOSÉ AMARAL.
  • ANDRIESCKI - Vindos da Polônia em 1893, não conta navio em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH ANDRIESCKI.
  • ANDRIKOSVSKI - Vindos da Polônia em 1872, no Navio Zorida em 3 indivíduos, chefe de família THOMAS ANDRIKOSVSKI.
  • BADOVSKI - Vindos da Polônia em 1872, no Navio Zorida, sozinho, chefe de família JOHANN BADOVSKI.
  • BRIÈRE - Vindos da França em 1859, não consta Navio em 2 indivíduos, chefe de família GUSTAVO BRIÈRE.
  • BANDSKONSKI - Vindos da Rússia em 1892 no Navio Manáos em 2 indivíduos, chefe de família MATHEUS BANDSKONSKI
  • BARBOSA - Vindos de de Aveiro Portugal em 1893 no Navio Entre Rios em 2 indivíduos, chefe de família IGNACIO BARBOSA.
  • BARTZ - Vindos da Polônia, região Prússia Ocidental, distrito Rowald em 1872 no Navio Hertig Oscar Fredrerike em 5 indivíduos, chefe de família FRANZ BARTZ.
  • BASTOS - Vindos de Portugal distrito de vaeiro em 1893 no Navio Entre Rios, sozinho, chefe de família ANTONIO FRANCISCO BASTOS.
  • BAUCHET - Vinda França em 1875 no Navio Ceres, sozinho, chefe de família ALFRED BAUCHET.
  • BELLART - Vindo em 1858, não consta Navio, sozinho, chefe de família JEAN BAPTTISTE BELLART.
  • BITZKOWSKI - Vindos da Polônia, distrito de Owitz, em 1872, no Navio Zorida, em 8 indivíduos, chefe de família JOSEPH BITZKOWSKI.
  • BLUNCH - Vindos da Polônia, distrito de Dantzig, em 1872, no Navio Zorida, em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN BLUCH.
  • BODY - Vindos da França em 1875, não conta navio, sozinho, chefe de família RENÈÈ BODY.
  • BOHAG - Vindo da Inglaterra em 1867, não conta navio, sozinho, chefe de família WILHELM BOHAG.
  • BONZEK - Vindos da Prússia Ocidental Polônia, em 1873, no Navio Guttemberg, em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH BONZEK.
  • BORGES - Vindos de Portugal em 1889 no Navio Araruãma em 3 indivíduos, chefe de família JOSÉ BERNARDO BORGES.
  • BRIX - Vindo em 1858, não consta Navio, sozinho, chefe de família WILHELM BRIX.
  • BROYER - Vindos da Rússia em 1891 no Navio Pernambuco em 2 indivíduos, chefe de família VALENTIN BROYER.
  • BRYSINSK - Vindos de Prússia Ocidental em 1872 no Navio Zorida em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH BRYSINSK.
  • BUTTKOVSKI - Vindos da Prússia Ocidental, do distrito de Riwald em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick, em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN JOSEPH BUTTKOVSKI.
  • BZESKY - Vindos da Prússia Ocidental em 1873 no Navio Guttemberg, em 8 indivíduos, chefe de família JOSEPH BZESKY.
  • CALÇADO - Vindos de Portugal em 1889 no Navio Mayrink em 4 indivíduos, chefe de família JOSÉ ANTONIO CALÇADO.
  • CIKOSKI - Vindos em 1893, em 3 indivíduos, chefe de família VOICHEK CIKOSKI.
  • CINZKI - Vindos da Prússia Ocidental, distrito de Stuhmersdorf em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick em 5 indivíduos, chefe de família FRANZ CINZKI.
  • CLOUGH - Vindos dos Estados Unidos em 1867 no Navio Jurapanã em 6 indivíduos, chefe de família SAMUEL CLOUGH.
  • COELHO - Vindo de Portugal em 1893 no Navio Mayrink, sozinho, chefe de família ANTONIO NOGUEIRA COELHO.
  • CZEHAM - Vindos da Prússia Ocidental no distrito de Neuianark em 1872 no Navio Zorida em 2 indivíduos, chefe de família FRANZ CZECHAM.
  • DANOVSKI - Vindos da Prússia Ocidental, do distrito de Riwald em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick, em 6 indivíduos, chefe de família FRANZ DANOVSKI.
  • DANOVSKI - Vindos da Prússia Ocidental, do distrito de Riwald em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick, sozinho, chefe de família ANTON DANOVSKI.
  • DAYLLY - Vindo da França em 1876, não consta o Navio, sozinho, chefe de família LOUIS DAYLLY.
  • DEPTULZKI - Vindos da Prússia Ocidental Polônia, em 1873 no Navio Guttemberg, em 5 indivíduos, chefe de família FRANZ DEPTULSKI.
  • DIEKERT - Vindos da Polônia, distrito de Owitz, em 1872, no Navio Zorida, em 2 indivíduos, chefe de família CARL DIEKERT.
  • DOBROVISK - Vindos da Polônia, distrito de Pestlin, em 1872, no Navio hertig Ocar Frederick, em 5 indivíduos, chefe de família JOHANN DOBROVSKI.
  • DROZDOWSKI - Vindos da Prússia Ocidental em 1873 no Navio Guttemberg em 4 indivíduos, chefe de família JOSEPH DROZDOWSKI.
  • DYTMER - Vindos da Prússia Ocidental, distrito de Bresnow em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick em 4 indivíduos, chefe de família AUGUST DYTMER.
  • FEIGL - Vindo da Hungria de Weibkirchen em 1891 no Navio Ádria, sozinho, chefe de família FRANZ FEIGL.
  • FIOUX - Vindo da França em 1867, não conta navio, sozinho, chefe de família FRANÇOIS FIOUX.
  • FIRTUOLSKI - Vindos da Prússia Ocidental, distrito de Bresnow em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN FIRTUOLSKI.
  • FRANKAVIACK - Vindos em 1891 da Polônia, no Navio Manàos, em 4 indivíduos, chefe de família WLADISLAW FRANKAVIACK.
  • GADANITZ - Vindos em 1872 da Prússia Ocidental, no Navio Hertig Oscar Frederick, em 4 indivíduos, chefe de família PAULO GADANITZ.
  • GARTOVSKI - Vindos da Polônia em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick, em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM JOHANN GARTOVSKI.
  • GARTOVSKI - Vindos da Polônia em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick, em 7 indivíduos, chefe de família WILHELM JOSEPH GARTOVSKI.
  • GAYDUS - Vindos da Polônia no distrito de Owitz em 1872, no Navio Zorida, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM JOHANN GAYDUS.
  • GDANITZ - Vindos da Polônia do distrito de Brzenowo em 1872, no Navio Zorida, em 7 indivíduos, chefe de família WILHELM VALENTIN GDANITZ.
  • GERRITZ - Vindos em 1858, no Navio Fluminense, sozinho, chefe de família WILHELM GERALD GERRITZ.
  • GRABONSKI - Vindos da Prússia Ocidental-Polônia em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederirck, em 5 indivíduos, chefe de família JOSEPH GRABONSKI.
  • GRABOVSKI - Vindos da Prússia Ocidental-Polônia em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick, em 6 indivíduos, chefe de família FRANZ GRABOVISKI.
  • GRANNOSKE - Vindo da Polônia em 1892, no Nacio Manàos, sozinho, chefe de família ANTONIO GRANNOSKE.
  • GRADEC - Vindos da Rússia em 1892, no Navio Pernambuco, em 3 indivíduos, chefe de família MARCEL GRATEC.
  • GREENDREESKA - Vindos da Rússia em 1891, no Navio Pernambuco, em 3 indivíduos, chefe de família JOSEF GREENDREESKA.
  • GRIEGUTSKI - Vindos do Polônia, em 1873, no Guttemberg, em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN GRIEGUTSKI.
  • GRONZE - Vindo da Rússia em 1896, no Navio Athayde, sozinho, chefe de família FRANCISCO GRONZE.
  • GUSS - Vindos da Polônia em 1873, no Navio Zorida, em 7 indivíduos, chefe de família FRANZ GUSS.
  • PAYSAN - Vindos de Dugenras em 1867 no Navio Juparanã em 3 indivíduos, chefe de família ADOLPHE PAYSAN.
  • PIEKOVSKI - Vindos da Polônia em 1872 no Navio Zorida em 7 indivíduos, chefe de família JOHANN PIEKOVSKI.

quinta-feira, 15 de março de 2012

Imigrantes Pomeranos

Imigrantes pomeranos

Os pomeranos, foram os mais numerosos alemães que vieram para o Espírito Santo.

Os primeiros pomeranos que chegaram acompanhavam um grupo de imigrantes alemães. Eram poucos, não chegavam a uma dezena.

De 1858 a 1859, chegou um novo grupo de pomerânos. Mais tarde, por volta de 1933, desembarcaram mais de dois mil no Porto de Vitória. Somente entre 1872 e 1873 desembarcaram em Vitoria 2145 pomeranos, mas acredita-se que o numero tenha sido bem maior.

O isolamento das áreas urbanas, a dificuldade de comunicação, o idioma diferente, a falta de ferramentas adequadas aos trabalhos da lavoura, foram uma constante nos problemas enfrentados pelos colonos, vindos das diversas regiões europeias.

Sendo o dialeto pomerano a segunda língua mais falada no município de Santa Leopoldina, assim como em Santa Maria de Jetibá, Pancas, Vila Valério, Domingos Martins e outros municípios capixabas.

Famílias pomeranas que colonizaram Santa Leopoldina:

  • ABELDT - Vindos de Kolberg-Körlin distrito de Gross Vorbeck em 1873 no Navio Haynan em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM ABELDT.
  • ABELL - Vindo em 1873 no Navio Guttemberg, sozinho, chefe de família HERMANN ABELL.
  • ACKER - Vindos em 1873 no Navio Haynan em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN ACKER.
  • ALBERT - Vindos em 1875 no Navio Ceres em 5 indivíduos, chefe de família LUDWIG ALBERT.
  • ALBERT - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 6 indivíduos, chefe de família ALBERT ALBERT.
  • ARNDT - Vindos de Arnswalde, Distrito de Rabukow em 1873, no Navio Adolph em 6 indivíduos, chefe de família FERDNAND ARNDT.
  • ARNHOLZ - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 7 indivíduos, chefe de família FERDNAND ARNHOLZ.
  • ASCHATZ - Vindos em 1875, no Navio Ceres em 5 indivíduos, chefe de família ALOYS ASCHATZ.
  • ATOLF - Não encontrei dados.
  • BADKE - Vindos 1873, no Navio Adolph em 7 indivíduos, chefe de família CARL BADKE.
  • BADTKE - Vindos de em 1872, não consta o navio em 2 indivíduos, chefe de família WILHELM BADTKE.
  • BAHR - Vindos em 1873, não consta o Navio, sozinho, chefe de família JOHANN BAHR.
  • BAROWSKI - Vindos de Regenwalde distrito de maldewin em 1869 no Navio Johan Gotlieb Fichte em 3 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BAROWSKI.
  • BARZ - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 5 indivíduos, chefe de família GUSTAV BARZ.
  • BAUMANN - Vindos de Silbenberg em 1872 no Navio Mary Heyden II em 2 indivíduos, chefe de família CARL BAUMANN.
  • BEHLING - Vindos de Belgard distrito de Carlsruhe em 1873 no Navio Doctor Barth em 6 indivíduos, chefe de família JULIUS BEHLING.
  • BEILKE - Vindos de Schmorond em 1859, não consta o Navio, em 4 indivíduos, chefe de família WILHELM BEILKE.
  • BEILKE - Vindos de Natzenersdorff em 1859, não consta o Navio, em 5 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BEILKE.
  • BEILKE - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 5 indivíduos, chefe de família GUSTAV BEILKE.
  • BEIN - Vindos em 1874, não consta o Navio, em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN BEIN.
  • BEIN - Vindo em 1880, não consta o Navio, sozinho, chefe de família JULIUS BEIN.
  • BEISE - Vindos de Gerglitz em 1859 no Navio Mucury em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM BEISE.
  • BELZ - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 5 indivíduos, chefe de família ALBERT BELZ.
  • BENNEWITZ - Vindos de Kamitz em 1873 no Navio Haynan em 6 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BENNEWITZ.
  • BERNT - Vindo em 1873 no Navio Adolph, sozinho, chefe de família JOHANN BERNT.
  • BERNT - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 6 indivíduos, chefe de família ALBERT BERNT.
  • BESSERT - Vindos em 1872 no Navio Anne Helene em 7 indivíduos, chefe de família AUGUST BESSERT.
  • BESSERT - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 4 indivíduos, chefe de família CARL BESSERT.
  • BETEKHE - Vindos de Dombronken em 1872 no Navio Mary Heyden II em 4 indivíduos, chefe de família CHRISTIAN BETEKHE.
  • BIASTOCK - Vindos de Borlunchen, em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick, em 5 indivíduos, chefe de família AUGUST BIASTOCK.
  • BIASTOCK - Vindo de Borlunchen, em 1872, no Navio Hertig Oscar Frederick, sozinho, chefe de família ALBERT BIASTOCK.
  • BIENOW - Vindos de Mulztow, em 1859, no Navio São Matheus, em 4 indivíduos, chefe de família FERDNAND BIENOW.
  • BLANK - Vindos em 1872, no Navio Anne Helene, em 2 indivíduos, chefe de família AUGUST BLANK.
  • BLANK - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 5 indivíduos, chefe de família AUGUST BLANK.
  • BLANK - Vindos em 1873, no Navio Docotr Barth, em 5 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BLANK.
  • BOERNKE - Vindos em 1859, no Navio São Matheus, em 7 indivíduos, chefe de família JOHANN BOERNKE.
  • BÖHLING - Vindo do distrito de Beintemfeld em 1872, no Navio Zorida, SOZINHO, chefe de família WILHELM BÖHLING.
  • BOLDT - Vindos em 1873, no Navio Haynan, em 2 indivíduos, chefe de família MARIA BOLDT.
  • BOLDT - Vindos de Köslin, distrito de Bublitz em 1873, no Navio Doctor Barth, em 3 indivíduos, chefe de família CARL BOLDT.
  • BRAUN - Vindos de Kolberg, distrito de Gross Vorbeck em 1873, no Navio Haynan, em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM BRAUN.
  • BÖNNING - Vindos em 1873, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família WILHELM BÖNNING.
  • BORCHARDT - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN BORCHARDT.
  • BORCHARDT - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 8 indivíduos, chefe de família CARL BORCHARDT.
  • BORCK - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 4 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BORCK.
  • BRAATZ - Vindos de Köslin distrito de Kratzig em 1859 no Navio São Matheus em 4 indivíduos, chefe de família CARL ZIEMANN.Ps. Wilhem enteado de Carl Ziemann
  • BRAGER - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN BRAGER.
  • BRANDEMBURG - Vindos de Schlawe distrito de Russhagen em 1869 no Navio Johann Gotlieg Fichte em 6 indivíduos, chefe de família MICHEL BRANDEMBURG.
  • BRANDT - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 6 indivíduos, chefe de família AUGUST BRANDT.
  • BRANDT - Vindos em 1869 no Navio Gutemberg em 3 indivíduos, chefe de família MICHEL BRANDT.
  • BRANDT - Vindos em 1872 no Navio Anne Helene em 4 indivíduos, chefe de família AUGUST ALBERT BRANDT.
  • BRANDT - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 2 indivíduos, chefe de família ALBERT BRANDT.
  • BRAUN - Vindos de Elleshagen em 1869 no Navio Humboldt em 2 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH BRAUN.
  • BRAUN - Vindos em 1868 no Navio Juparanã em 5 indivíduos, chefe de família HEINRICH BRAUN.
  • BRAUN - Vindos em 1868 no Navio Juparanã em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM BRAUN.
  • BRAUN - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 5 indivíduos, chefe de família FERDNAND BRAUN.
  • BRAUN - Vindo em 1872 no Navio Guttemberg, sozinho, chefe de família ERNEST BRAUN.
  • BRAUN - Vindos de Kolberg distrito de Gross Vorbeck em 1872 no Navio Guttemberg em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM BRAUN.
  • BRAUN - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM BRAUN.
  • BREUMMER - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 3 indivíduos, chefe de família HERMANN BREUMMER.
  • BRUMM - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 2 indivíduos, chefe de família CARL BRUMM.
  • BRUNK - Vindos em 1872 no Navio Anne Helene em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM BRUNK.
  • BRUSCK - Vindos em 1872 no Navio Mary Heyden em 4 indivíduos, chefe de família CHRISTIAN BRUSCK.
  • BULLERJAHN - Vindos de Titzow em 1869 no Navio Johann Gottlieb Fichte em 7 indivíduos, chefe de família LUDWIG BULLERJAHN.
  • BUTZLAFF - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 7 indivíduos, chefe de família WILHEM BUTZLAFF.
  • BÜSCHER - Vindos da Westphalia distrito de Sudlohn em 1860 no Navio Belgique, sozinho, chefe de família GERAHD BÜSCHER.
  • BUTZKE - Vindo em 1873 no Navio Doctor Barth, sozinho, chefe de família JOHANN BUTZKE.
  • BUTZKE - Vindos de Bonin em 1859 no Navio São Matheus, em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM BUTZKE.
  • CONRATH - Vindos em 1867 no Navio Guttemberg em 2 indivíduos, chefe de família CARL CONRATH.
  • CRESZINK - Vinda em 1873 no Navio Adolph, sozinha, chefe de família WILHELMINE CRESZINK.
  • DAHLMANN - Vindos em 1873, no Navio Adolph em 8 indivíduos, chefe de família WILHELM DAHLMANN.
  • DAHLMANN - Vindo em 1873, no Navio Adolph com 7 anos filho adotivo da família Seefeld, chefe de família JOHANN DAHLMANN.
  • DÄHNE - Vindos de Mulendorf, em 1860, no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família CARL DÄHNE.
  • DEMZ - Vindos de Borotuchen em 1872 no Navio Zorida, em 7 indivíduos, chefe de família GOTTLIEB DEMZ.
  • DETTMANN - Vindos de Dummedell em 1880 no Navio Alice, em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM DETTMANN.
  • DETTMANN - Vindos de Belgard, do distrito de Karttonw em 1884, não consta Navio, em 4 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH FERDNAND WILHELM DETTMANN.
  • DISCHER - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 8 indivíduos, chefe de família GOTTLIEB DISCHER.
  • DITTBERNER - Vindos de Regenwalde, distrito de Kankelfitz, em 1869, no Navio Guttemberg, em 5 indivíduos, chefe de família THEODOR DITTBERNER.
  • DITTBERNOW - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 7 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH DITTBERNOW.
  • DOBBRUNZ - Vindos em 1872, no Navio Mary Hayden II, em 6 indivíduos, chefe de família CARL DOBBRUNZ.
  • DÖRING - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM DÖRING.
  • DÖRING - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 3 indivíduos, chefe de família AUGUST DÖRING.
  • DRAGER - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 5 indivíduos, chefe de família JOHANN DRAGER.
  • DUBBERSTEIN - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 7 indivíduos, chefe de família CAROLINE DUBBENRSTEIN.
  • DUMMER - Vindos de Belgard, distrito de Schvelbein em 1859 no Navio São Matheus em 4 indivíduos, chefe de família CARL AUGUST DUMMER.
  • DUMMER - Vindo em 1872 no Navio Guttemberg, sozinho, chefe de família LUDWIG DUMMER.
  • DUMMER - Vindos de Koslin em 1872 no Navio Mary Heydern II em 7 indivíduos, chefe de família WILHELM DUMMER.
  • DUMMER - Vindos em 1873 no Navio Haynan em 7 indivíduos, chefe de família FRANZ DUMMER.
  • DUPKE - Vindo em 1859 no Navio São Matheus em 4 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH DUPKE.
  • EBERT - Vindos em 1859 de Neukrichen, no navio São Matheus, em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN EBERT.
  • EBERT - Vindos em 1873, no navio Doctor Barth, em 4 indivíduos, chefe de família CARL EBERT.
  • EGGERT - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 5 indivíduos, chefe de família JOHANN EGGERT.
  • ENGELHARD - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 6 indivíduos, chefe de família ALBERT ENGELHARD.
  • ERDMANN - Vindos de Rezkenow em 1869 no Navio Johann Gottlieb Fichte em 8 indivíduos, chefe de família CARL ERDMANN.
  • EWALD - Vindos de Natzersdorf em 1869 no Navio Guttemberg em 3 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH EWALD.
  • FALK - Vindos em 1869 no Navio Guttemberg em 6 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH FALK.
  • FEHLBERG - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 7 indivíduos, chefe de família FERDNAND FEHLBERG.
  • FEHLBERG - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 3 indivíduos, chefe de família AUGUST FEHLBERG.
  • FICK - Vindos em 1882, não consta Navio, vieram em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM FICK.
  • FRAW - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 3 indivíduos, chefe de família HERMANN FRAW.
  • FISCHER - Vindos de Belgard em 1873, no Navio Adolph em 4 indivíduos, chefe de família HERMANN FISCHER.
  • FISCHER - Vindos da Remânia em 1873, no Navio Adolph em 4 indivíduos, chefe de família FERDNAND FISCHER.
  • FOESCH - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 7 indivíduos, chefe de família WILHELM FOESCH.
  • FRAW - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 3 indivíduos, chefe de família HERMANN FRAW.
  • FREICHEL - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 3 indivíduos, chefe de família CARDEL FREICHEL.
  • FREIER - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 3 indivíduos, chefe de família LUDWIG FREIER.
  • FRIEB - Vindos em 1873, no Navio Haynan, sozinho, chefe de família CARL FRIEB.
  • FRITZ - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 2 indivíduos, chefe de família EDUARD FRITZ.
  • FRITZ - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 7 indivíduos, chefe de família CARL FRITZ.
  • FRÖHLICH - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 5 indivíduos, chefe de família FRANZ FRÖHLICH.
  • FROMMHOLZ - Vindos em 1872, no Navio Guttemberg, em 9 indivíduos, chefe de família CARL FROMMHOLZ.
  • FRÖMMING - Vindos em 1860, no Navio Mucury, em 3 indivíduos, chefe de família ERNEST FRÖMMING.
  • FRÖMMING - Vindos em 1872, no Navio Adolph, em 2 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH FRÖMMING.
  • GABLER - Vindos em 1873, no Navio Adolph, em 3 indivíduos, chefe de família ERNEST GABLER.
  • GABLER - Vindos em 1873, no Navio Adolph, sozinho, chefe de família FRANZ GABLER.
  • GABRECHT - Vindos em 1872, no Navio Anne Helene, em 4 indivíduos, chefe de família HERMANN GABRECHT.
  • GARBRECHT - Vindos em 1869 de Belgard, no Navio Johann Gottlieb Fichte, em 5 indivíduos, chefe de família DANIEL GARBRECHT.
  • GARBRECHT - Vindos em 1869 de Belgard, no Navio Johann Gottlieb Fichte, em 6 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH GARBRECHT.
  • GARSK - Vindos em 1872, no Navio Doctor Barth, em 2 indivíduos, chefe de família WILHELM AUGUST GARSK.
  • GARSKE - Vindos em 1873, não consta o Navio, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM AUGUST GARSKE.
  • GEHRING - Vindos de Albertinenhof em 1869, no Navio Humboldt, em 5 indivíduos, chefe de família WILHELM HERMANN GEHRING.
  • GEHRKE - Vindos em 1873, no Navio Haynan, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM FRIEDRICH GEHRKE.
  • GERSKY - Vindos em 1880, não consta o Navio, em 4 indivíduos, chefe de família WILHELM HERMANN GERSKY.
  • GIERHOLZ - Vindem 1873, no Navio Doctor Barth, sozinha, chefe de família HEINRICHTA GIERHOLZ.
  • GLANDEN - Vindo de Regenwalde em 1860 no Navio Mucury, soznho, chefe de família WILHELM GLANDEN.
  • GOERL - Vindos em 1873, no Navio Adolph em 2 indivíduos, chefe de família HERMANN GOERL.
  • GOESE - Vindos de Saatzig em 1869 no Navio Humboldt em 2 indivíduos, chefe de família WILHEM FRIEDRICH GOESE.
  • GOLOMBECK - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN GOLOMBECK.
  • GOLOMBECK - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH GOLOMBECK.
  • GOUTKOUCHT - Vinda em 1869, no Navio Guttemberg, sozinha, chefe de família CAROLINE GOUTKOUCHT.
  • GRAUNKE - Vindos de Neukirhcen em 1859, no Navio São Matheus, em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN CARL GRAUNKE.
  • GRAUNKE - Vindos de Klemzow em 1873, no Navio Adolph, em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN GRAUNKE.
  • GRÖNER (Groener) - Vindos de Schlonwitz, em 1860, no Navio Mucury, em 8 indivíduos, chefe de família CARL GRÖNER.
  • GRULKE - Vindos em 1872, no Navio Guttemberg, em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM GRULKE.
  • GRÜNERT - Vindo em 1873, no Navio Adolph, sozinho, chefe de família CARL GRÜNERT.
  • GRÜNEWALD - Vindos em 1872, no Navio Guttemberg, em 7 indivíduos, chefe de família JOHANN GRÜNEWALD.
  • GUANDT - Vinda em 1873, no Navio Guttemberg, sozinha, chefe de família JOHANNA GUANDT.
  • GUMZ - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN GUMZ.
  • GUMZ - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em indivíduos, chefe de família ERNEST GUMZ.
  • GUMZ - Vindo em 1871, não consta o Navio, sozinho, chefe de família ALBERT GUMZ.
  • GURL - Vindos em 1869, no Navio Johann Gottlieb Fichte, em 3 indivíduos, chefe de família AUGUSTE GURL.
  • HAASE - Vindos em 1872 de Masten em 5 indivíduos no Navio Zorida, chefe de família JOHANN HAASE.
  • HABERMANN - Vindo em 1872 no Navio Guttemberg, sozinho, chefe de família WILHELM HABERMANN.
  • HACKBARTH - Vindos em 1873, no Navio Adolph em 5 indivíduos, chefe de família BERNARD HACKBARTH.
  • HACKBARTH - Vindos em 1873, no Navio Doctor Barth, em 5 indivíduos, chefe de família JULIUS HACKBARTH.
  • HAESE - Vindos em 1872 no Navio Adolph, em 6 indivíduos, chefe de família AUGUST HAESE.
  • HALBURG - Vindos em 1878, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família JOHANN HALBURG.
  • HAMANN - Vindos em 1873 em 2 indivíduos no Navio Adolph, chefe de família WILHELM HAMANN.
  • HAMMER - Vindos em 1869 de Belgard em 9 indivíduos no Navio Johann Gottlieb Fichte, chefe de família CARL HAMMER.
  • HAMMERMEISTER - Vinda em 1873 sozinha no Navio Adolph, chefe de família WILHELMINE HAMMERMEISTER.
  • HARTWIG - Vindos em 1872 em 4 indivíduos no Navio Anne helene, chefe de família JOHANNE HARTWIG.
  • HELL - Vindos de Regenwalde em 1869 no Navio Guttemberg em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN HELL.
  • HELLING - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 2 indivíduos, chefe de família jOHANN HELLING.
  • HELWIG - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth em 2 indivíduos, chefe de família CHRISTIAN HELWIG.
  • HENKE - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 3 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH HENKE.
  • HINZ - Vindo em 1859 , não consta o Navio, sozinho, chefe de familia GOTLIEB HINZ.
  • HINZ - Vindos em 1962, distrito de Albertinenhof, Navio Humboldt, em 5 indivíduos, chefe de familia WILHELM HINZ.
  • HOLZ - Vindos em 1872, no Navio Doctor Barth, em 9 indivíduos, chefe de familia CARL HOLZ.
  • HOPF - Vindos em 1873 no Navio Adolph, em 2 indivíduos, chefe de familia FRANZ HOPF.
  • HOPKE - Vindos em 1873 no Navio Doctor Barth, em 3 indivíduos, chefe de familia AUGUST HOPKE.
  • HOPKE - Vindos em 1872 no Navio Anne Helene, em 2 indivíduos, chefe de familia HERMANN HOPKE.
  • HUSANG - Vindo em 1869, não consta Navio, sozinho, chefe de família CARL HUSANG.
  • LIERMANN - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 8 indivíduos, chefe de família JOHANN LIERMANN.
  • JANKE - Vindos em 1872 no Navio Guttemberg em 7 indivíduos, chefe de família AUGUST JANKE.
  • RAMLOW - Vindos de Silbenberg em 1872 no Navio Mary Heyden II em 5 indivíduos, chefe de família CARL RAMLOW.
  • SEIBERT - Vindos de Albichelmeninneken em 1873 no Navio Doctor Barth em 5 indivíduos, chefe de família CHRISTIAN SEIBERT.
  • STEIN - Vindos em 1873 no Navio Adolph em 7 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH STEIN.
  • VANDERSEE - Vindos em 1901 no Navio Pascal em 5 indivíduos de Rummelsburg, chefe de família AUGUST WILHELM VANDERSEE.
  • ZIEMANN - Vindos de Köslin distrito de Kratzig em 1859 no Navio São Matheus em 4 indivíduos, chefe de família CARL ZIEMANN.

imigrantes Austríacos

Imigrantes austríacos

Em um grupo de aprox 110, chegaram em 1859 e 1860 os imigrantes tiroleses. Ao contrário dos demais grupos de imigrantes europeus que vinham com famílias inteiras e em muitos casos numerosas, os tyroleses vieram em sua grande maioria recém casados.

As leis vigentes na Austria naquele período eram patriarcais e discriminativas. Isto é, somente um filho de livre escolha do pai tinha direito a herança. Consequentemente os demais filhos não tinham direito a nada, ou permaneciam dentro de casa e trabalhavam para o irmão mais velho ou deveriam procurar outras terras, no final muitos tornavam-se desempregados

Relatos da época aponta os tiroleses como bons trabalhadores e pessoas muito positivas e cheias de esperança. Hoje a comunidade tirolesa ainda mantém vivo seu dialeto e tradições, grande parte ainda está na colônia do Tyrol, masmuitos também se locomoveram para outras partes do municipio e também verso outros municipios. Ao contrário de outras etnias, os tiroleses nao foram absorvidos pela cultura predominante. Foram eles a absorver algumas famílias alemães,que após contraírem matrimônios com tiroleses viraram também tiroleses, como é o caso da família alemã Lipphaus (Leppaus).

Famílias Austríacas que colonizaram Santa Leopoldina:

  • AICHNER - Vindos do Tirol, distrito de Erlach em 1859 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família GEORG AICHNER.
  • AUER - Vindos do Tirol em 1859 no Navio Lubdense em 7 indivíduos, chefe de família JOHANN AUER.
  • BLANK - Vindos da Tirol, distrito de Schomberg, em 1859, no Navio Mucury, sozinho, chefe de família BALTHASAR BLANK.
  • EGG - Vindos do Tirol, distrito de Greis em 1859 no Navio Mucury em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH EGG.
  • ERLACHER - Vindos do Tirol, distrito de Hall em 1859 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família JOHANN ERLACHER.
  • FIGLE - Vindos do Tyrol em 1859, no Navio Mucury em 7 indivíduos, chefe de família JOSEPH FIGLE.
  • FIGLER - Vindo do Tyrol em 1869, não constas o Navio, sozinho, chefe de família LUIZ FIGLER.
  • FIGLER -Vindo do Tyrol em 1869, não consta Navio, Sozinho, chefe de família JOHANN FIGLER.
  • FISCHNALLER - Vindos do tyrol, distrito de Fulpness em 1893, no Navio Mucury em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN FISCHNALLER.
  • FÖGER - Vindo em 1859 vindos do Tyrol, distrito de Nassereith, no Navio Mucury, sozinho, chefe de família FRANZ ANTON FÖGER.
  • FRIED - Vindo em 1859 do Tyrol, não consta o Navio, sozinho, chefe de família JOSEPH FRIED.
  • GRITSCH - agregado à família Singer, JOHANN BRITSCH.
  • GOGL - agregada à família Egg, KRISZENS GOGL.
  • GREID - Vindos do Tyrol em 1869, não consta o Navio, em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN GREID.
  • GREIER - Vindos do Tyrol, distrito de Neustiltf, em 1859, no Navio Mucury, em 7 indivíduos, chefe de família JOHANN GREIER.
  • HELMER - Vindos do Tirol, distrito de Arzl em 1859 no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família INGENUIN HELMER.
  • HELMER - Vindos do Tirol em 1861 no Navio São Matheus em 3 indivíduos, chefe de família IGNAZ HELMER.
  • HOLZMEISTER - Vindos em 1869 do Tyrol, Província de Fulpness, no Navio Mucury, em 6 indivíduos, chefe de familia IGNAZ HOLZMEISTER.
  • SINGER - Vindos do Tyrol, distrito de Elmen, em 1859, no Navio Mucury, em 7 indivíduos, chefe de família CASPAR SINGER.Ps. Faziam parte da família uma agregada e um enteado Johann Gritsch.

Imigrantes Suíços

Imigrantes suíços

Os primeiros suíços eram em um grupo de 117 pessoas juntos a 37 alemães, eles foram os primeiros imigrantes a chegar na recém formada colônia Imperial de Santa Leopoldina. Esses imigrantes chegaram em Santa Leopoldina no início 1857. Esses pioneiros eram em sua maioria protestantes, cerca 72% e os demais católicos. Eles estão sem sombras de dúvidas entre os imigrantes que mais sofreram no inicio da formação de Santa Leopoldina. 

Se localizaram na parte norte da colônia, região esta que passou a se chamar SUISSA. De todos os grupos étnicos estabelecidos em Santa Leopoldina os suíços juntos aos luxemburgueses estão entre os imigrantes que mais perderam sua identidade étnica ao serem absorvidos pela cultura predominante. a maioria dos descendentes desses imigrantes pensam ser de origem alemã.

Famílias suíças que colonizaram Santa Leopoldina: 

  • BÄBLER (Babler) - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Enghi em 1857 no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família JACOB BÄBLER. 
  • BÄBLER (Babler) - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Matt em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família HEINRICH BÄBLER. 
  • BAUMGARTNER - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Enghi em 1857 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família ELISABETH BAUMGARTNER.
  • BIRCHLER - Vindos do Cantão de Zürich em 1877 no Navio Pará em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN GEORG BIRCHLER. 
  • BIRCHLER - Vindos do Cantão de Zürich em 1889 no Navio Mayrink em 4 indivíduos, chefe de família GEORG BIRCHLER.
  • BUCHER - Vindos do Cantão de Zürich, distrito de Stadel em 1857 no Navio Mucury em 8 indivíduos, chefe de família HEINRICH BUCHER.
  • DÜRR - Vindos do Cantão de Zürich, distrito de Truttikon em 1857 no Navio Mucury em 10 indivíduos, chefe de família ELISABETH DÜRR.
  • FINK - Vindos do Cantão de St. Grall, distrito de Grabs em 1857 no Navio Mucury em 9 indivíduos, chefe de família JACOB FINK. 
  • FISCHER - Vindo em 1877 no Navio Pará, sozinho, chefe de família ERNEST FISCHER.
  • GADIENTH - Vindos do Cantão de Gabründen em 1857 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família JOSEPH GADIENTH.
  • GRAF - Vindos em 1877 no Navio Pará em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM GRAF.
  • HALLAUER - Vindos do Cantão de Schaffhausen em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família CONRAD HALLAUER.
  • HÄMMERLI - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Enghi em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família JOSEF HÄMMERLI.
  • HAUSER - Vindos do Cantão de Zürich, distrito de Stadel em 1857 no Navio Mucury, sozinho, chefe de família HANS HEINRICH CASPAR HAUSER.
  • HOFFMANN - Vindos do Cantão de Aargau, distrito de Unterkulm em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família JACOB HOFFMANN.
  • HÖFLI - Vindos do Cantão de Gabründen , distrito de Zizers em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família ROSINA HÖFLI.
  • KAUFFMANN - Vindos do Cantão de Aargau, distrito de Möhlin em 1857 no Navio Mucury em 8 indivíduos, chefe de família CASPAR KAUFFMANN.
  • KERN - Vindos do Cantão de Zürich, distrito de Bulach em 1857 no Navio Mucury em 7 indivíduos, chefe de família HEINRICH KERN.
  • KÖPPLIN - Vindos do Cantão de Schaffhausen, distrito de Neukirche em 1857 no Navio Mucury, em 9 indivíduos, chefe de família ADAM KÖPPLIN.
  • KUBLI - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Matt em 1857 no Navio Mucury, em 2 indivíduos, chefe de família OSWALD KUBLI.
  • LANDOLT - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Näfel em 1857 no Navio Mucury, em 2 indivíduos, chefe de família CASPAR LANDOLT.
  • LUCHSINGER - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Enghi em 1857 no Navio Mucury, em 9 indivíduos, chefe de família HILAIRE LUCHSINGER.
  • MÜLLER - Vindos do Cantão de Aargau, distrito de Unterkulm em 1857 no Navio Mucury, em 8 indivíduos, chefe de família DANIEL MÜLLER.
  • MÜLLER - Vindos em 1894 no Navio Paranaguá, em 4 indivíduos, chefe de família ANTON BLASER.Ps. Anton era alemão, com ele vieram a esposa, cunhado e sogra todos suíços de sobrenome MÜLLER.
  • NIPPES - Vindos em 1877 no Navio Pará em 9 indivíduos, chefe de família KARL NIPPES.
  • OSOLDNER - Vindos em 1889 no Navio Mayrink em 6 indivíduos, chefe de família ERMANI OSOLDNER.
  • SCHANUT (Janut) - Vindos do Cantão de Graubünden, distrito de Grünsh em 1857 no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN BAPTISTE SCHANUT. 
  • SCHINZ - Vindos do Cantão de Zürich em 1857 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família CASPAR SCHINZ. 
  • SCHNEIDER - Vindos em 1877 no Navio Pará em 10 indivíduos, chefe de família JOHANN JACOB SCHNEIDER.
  • SPEICH - Vindos do Cantão de Glarus, distrito de Matt em 1857 no Navio Mucury, sozinho, chefe de família HEINRICH SPEICH.
  • VOLKART - Vindos do Cantão de Zürich, distrito de Glatt, em 1857 no Navio Mucury em 3 indivíduos, chefe de família SEBASTIAN VOLKART.
  • WIESER - Vindos do Cantão de Schaffhausen, distrito de Neunkirch, em 1857 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família PAI WIESER.
  • ZIEGLER - Vindos do Cantão de St. Gall, distrito de Weden, em 1857 no Navio Mucury em 3 indivíduos, chefe de família ANTON ZIEGLER.
  • ZINSLI - Vindos do Cantão de Graubünden, distrito de Zizers, em 1857 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família ANNE MARIE ZINSLI.

quarta-feira, 14 de março de 2012

Imigrantes Alemães

Imigrantes alemães

Os primeiros alemães eram em um grupo de 37 pessoas acompanhados de 117 suíços, foram os primeiros imigrantes a chegar na recém formada colônia Imperial de Santa Leopoldina.

Nos primeiros anos eram a minoria, mas com o passar dos anos os alemães depois dos pomeranos tornaram-se e etnia predominante em Santa Leopoldina, impondo sua língua, cultura e maneira de viver na sociedade leopoldinense. Já em 1860 (4 anos após a fundação da cidade) os alemães eram predominantes em Santa Leopoldina, que contava com uma população de 1003 indivíduos (232 chefes de família) dividos em 104 suíços, 70 luxemburgueses, 82 tyroleses, 126 holandeses, 8 belgas, 1 francês, 1 inglês e alemães dividos em: 4 de Hannover, 384 da Prússia, 10 da Bávaria, 27 de Baden, 61 do Hesse, 13 de Nassau,13 de Holztein, 5 de Mecklemburg, 76 da Saxônia e alguns brasileiros de nascimento (entre os quais filhos de imigrantes).

Dali por diante os alemães (não pomeranos sempre foram o segundo maior grupo a imigrar para Santa Leopoldina.

Famílias Alemães que colonizaram Santa Leopoldina:

  • ADAM - Vindos de Mecklemburg em 1857 no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família ERNEST ADAM.
  • ACKERMANN - Vindos da Prússia Ocidental em 1873 no Navio Guttemberg em 3 indivíduos, chefe de família JACOB ACKERMANN.
  • AHNERT - Vindos da Saxônia, distrito de Chemnitz no Navio Mucury em 1860 em 9 indivíduos, chefe de família GROTTFRIED CARL AHNERT.
  • ALBERS - Vindo em 1944 da Remânia Westphalia, Província de Münster, distrito de Borken, sozinho, chefe de familia FRANZ ALBERS.
  • ALBERT - Vindos em 1860 da Saxônia, distrito de Chemnitz em 7 indivíduos, chefe de família ERNEST ALBERT.
  • ALBRECHT - Vindos em 1872 da Prússia Ocidental em 2 indivíduos no Navio Hertig Oscar Frederike, chefe de família JACOB ALBRECHT.
  • ANDERSEN - Vindos em 1872 de Schleswig Holztein no navio Guttemberg, sozinho, chefe de família LAUTIZIO ANDERSEN.
  • ANTENERICKE - Vindo em 1893, no Navio Napoli, sozinho, chefe de família ALBERT ANTENERICKE.
  • AURICH - Vindos da Saxônia, Província de Leipzig, distrito de Altenhain em 1860, no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família ALEXANDER AURICH.
  • AURICH - Vindos da Saxônia, Província de Leipzig, distrito de Altenhain em 1860, no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família HERMANN AURICH.
  • BABILON - Vindos da Remânia, distrito de Merl em 1872 no navio Ceres em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH BABILON.
  • BABILON - Vindos da Remânia, distrito de Merl em 1872 no navio Ceres em 6 indivíduos, chefe de família LORENZ BABILON.
  • BABILON - Vindos da Remânia, distrito de Merl em 1872 no navio Ceres em 7 indivíduos, chefe de família ADAM BABILON.
  • BARLÖNSIS - Vindos em 1888, não constao o Navio em 3 indivíduos, chefe de família BENJAMIM BARLÖNSIS.
  • BARTELS - Vindos de Brandemburg distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 5 indivíduos, chefe de família CHRISTIAN BARTELS.
  • BARTH - Vindos da Saxônia distrito de Kurmhermersdorf em 1860 no Navio Mucury em 7 indivíduos, chefe de família LOUIS BARTH.
  • BARWALD - Vindos em 1876 no Navio Presidente em 7 indivíduos, chefe de família CARL BARWALD.
  • BAUSEN - Vindos da Remânia, distrito de Merl em 1872 no Navio Ceres em 9 indivíduos, chefe de família MATHIAS BAUSEN.
  • BAYERT - Vindos da Baviera, distrito de Loberg no Navio Hertig Oscar Fredrerike em 1872 em 6 indivíduos, chefe de família FRANZ BAYERT.
  • BECKER - Vindos do Hesse da Província de Damstadt em 1859 no Navio A. Borsig em 2 indivíduos, chefe de família ADAM BECKER.
  • BECKER - Vindos da Remânia em 1859 no Navio Virginie em 7 indivíduos, chefe de família HEINRICH BECKER.
  • BECKER - Vindos da Remânia em 1859 no Navio Virginie em 2 indivíduos, chefe de família FIREDRICH BECKER.
  • BEHREND - Vindos de Brandemburg Distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 3 indivíduos, chefe de família HEINRICH BEHREND.
  • BEHREND - Vindos de Brandemburg distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 6 indivíduos, chefe de família LUDWIH BEHREND.
  • BELSHOFF - Vindos da Westphalia, distrito de Sudlohn em 1860 no Navio Belgique em 8 indivíduos, chefe de família GEHARD JOHANN BELSHOFF.
  • BERENDONK - Vindo do Reno em 1942, não consta Navio, sozinho, chefe de família CARL BERENDONK.
  • BERGER - Vindos da Remânia, distrito de Solinger em 1872 no Navio Diligente em 9 indivíduos, chefe de família HERMANN.
  • BERZ - Vindos de Nassau, distrito de Schwanheim em 1859 no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família PHILLIP ANTON BERZ.
  • BETZEL - Vinda do hesse, em 1859, não consta Navio, sozinha, chefe de família ELISABETH BETZEL.
  • BETZEL - Vindos da Bavária, distrito de Grosemersdorf, em 1859, no Navio Mucury, em 2 indivíduos, chefe de família GEORG BETZEL.
  • BICHI - Vindos da Hesse, distrito de Damstadt, em 1859, no Navio A. Borsig, em 4 indivíduos, chefe de família FRANZ BICHI.
  • BICKEL - Vindos da Remânia, distrito de Aldegung, em 1872, no Navio Ceres, em 7 indivíduos, chefe de família MICHEL BICKEL.
  • BINS - Vindos da Remânia, distrito de Merl, em 1872, no Navio Ceres, em 6 indivíduos, chefe de família CLEMENS BINS.
  • BLANC - Vindo em 1857, não consta Navio, sozinho, chefe de família ADOLHP BLANC.
  • BLASER - Vindos em 1891, no Navio Pernambuco, sozinho, chefe de família ANTON BLASER.
  • BLASER - Vindos em 1894, no Navio Paranaguá, em 4 indivíduos, chefe de família ANTON BLASER.
  • BORSTEL - Vindos de Brandemburg distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense, sozinho, chefe de família ERNEST EDUARD BORSTEL.
  • BRAUN - Vindo da Prússia em 1858 no Navio Fluminense, sozinho, chefe de família JOHANN BRAUN.
  • BRAUN - Vindos de Schleswig-Holztein em 1859, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família HEINRICH BRAUN.
  • BREMENKAMP - Vindos da Westphalia distrito de Vreden em 1860 no Navio Belgique em 10 indivíduos, chefe de família FRANZ BREMENKAMP.
  • BRUNOW - Vindos de Brandemburg distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 3 indivíduos, chefe de família AUGUST BRUNOW.
  • BRUNOW - Vindos de Brandemburg distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM BRUNOW.
  • BRUSC - Vindos em 1891 no Navio Pernambuco em 4 indivíduos, chefe de família ALVIM BRUSC.
  • BÜGER - Vindos de Köslin distrito de Kratzig em 1859 no Navio São Matheus em 4 indivíduos, chefe de família CARL BÜGER.
  • BULL - Vindos de Scheleswig-Holztein em 1872 no Navio Guttemberg em 4 indivíduos, chefe de família JOSEPH BULL.
  • BURKHARD - Vindos de Hesse em 1869 no Virginie em 4 indivíduos, chefe de família CHRISTOPH BURKHARD.
  • BUTEH - Vindos em 1889 no Navio Araruama em 7 indivíduos, chefe de família CARL BUTEH.
  • BUSCH - Vindos de Brandemburg, distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 5 indivíduos, chefe de família CARL BUSCH.
  • BUSS - Vindos em 1869, não Navio Guttemberg, em 5 indivíduos, chefe de família JOHANN BUSS.
  • BUSS - Vindos em 1886, não consta o Navio, em 10 indivíduos, chefe de família WILHEM BUSS.
  • BUSS - Vindos em 1873, não consta o Navio, sozinho, chefe de família JOHANN BUSS.
  • BUTLER - Vindos em 1873 no Navio Guttemberg, em 5 indivíduos, chefe de família HEINRICH BUTLER.
  • CAESAR - Vindo da Prússia em 1857 no Navio Fluminense, sozinho, chefe de família RUDOLF CAESAR.
  • CANSELLER - Vindo em 1875 no Navio Ceres, sozinho, chefe de família KARL CANSELLER.
  • CARLSEN - Vindo de Schleswig-Holztein em 1872, sozinho, no Navio Guttemberg, chefe de familia JOHANN CARLSEN.
  • CEUER - Vindo da Prússia em 1873, sozinho, chefe de família MANUEL CEUER.
  • DETTMANN - Vindos da Saxônia, do distrito de Wuhrow em 1860 no Navio Mucury, em 3 indivíduos, chefe de família CARL FRIEDRICH DETTMANN.
  • DETTMANN - Vindoe Schleswig-Holtztein em 1872 no Navio Guttemberg, sozinho, chefe de família HEINRICH DETTMANN.
  • DIETZE - Vindo da Thuringia, distrito de Kaja, em 1869, não consta o Navio, sozinho, chefe de família RICHARD DIETZE.
  • DÖRR - Vindos de Baden, distrito de Bresingen em 1859, no Navio Mucury em 2 indivíduos, chefe de família FRANZ JOSEPH DÖRR.
  • DRESSLER - Vindo da Saxônia em 1857, não consta o Navio, sozinho, chefe de família ALBERT DRESSLER.
  • DRESSLER - Vindo da Saxônia em 1857, não consta o Navio, sozinho, chefe de família BRUNO DRESSLER.
  • EBERMANN - Vindos em 1858 de Brandemburg, distrito de Lenzen, no navio Fluminense, em 4 indivíduos, chefe de família WILHELM EBERMANN.
  • EICHOLZ - Vindos do Bresnow em 1872 no Navio Hertig Oscar Frederick em 3 indivíduos, chefe de família JOSEPH EICHOLZ.
  • EICHKOFF - Vindos de Brandemburg, distrito de Lenzen em 1858 no Navio Fluminense em 6 indivíduos, chefe de família FRANZ EICHKOFF.
  • FABRICONESKES - Vindos em 1896 no Navio Itapemirim em 2 indivíduos, chefe de família MICHEL FRABRICONESKES.
  • FELBERG - Vindos da Remânia em 1880, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família AUGUST FELBERG.
  • FISCHER - Vindos da Remânia em 1872, no Navio Ceres em 7 indivíduos, chefe de família ANDREAS FISCHER.
  • FLEGLER - Vindos em 1859 vindos de Baden, distrito de Niklashausen, não consta o Navio, em 7 indivíduos, chefe de família ANDREAS FLEGLER.
  • FOLGER - Vindo em 1859, não consta o Navio, sozinho, chefe de família HEINRICH FOLGER.
  • FRANK - Vindos em 1857 vindos da Prússia, en 5 indivíduos, chefe de família JOHANN FRANK.
  • FRANK - Vindos em 1879, no Navio Haynan, em 3 indivíduos, chefe de família GUSTAV FRANK.
  • FREICHEL - Vindo em 1880, no Navio Alice, sozinho, chefe de família AUGUST FREICHEL.
  • FREISLEBEN - Vindos em 1873 da Bohemia, distrito de Nuedorf, no Navio Ceres, em 8 indivíduos, chefe de família JOHANN FREISLEBEN.
  • FRIEB - Vindos em 1860 da Saxônia, no Navio Mucury, em 5 indivíduos, chefe de família CARL FRIEB.
  • FRIEDRICH - Vindos em 1868 da Baviera, no Navio Juparanã, em 3 indivíduos, chefe de família JOHANN FRIEDRICH.
  • FRIELING - Vindo em 1860 da Prússia, não consta o Navio, sozinho, chefe de família CHRISTIAN FRIELING.
  • FROHLICH - Vindos em 1890, no Navio Araruama, em 2 indivíduos, chefe de família AUGUST FROHLICH.
  • FRÖHLICH - Vindos em 1872 da Saxônia, no Navio Ceres, sozinho, chefe de família FERDNAND FRÖHLICH.
  • FRÖHLICH - Vindos em 1890, no Navio Araruama, em 9 indivíduos, chefe de família FRANZ BERNARD FRÖHLICH.
  • FUCHS - Vindos em 1890, no Navio Mayrink, em 3 indivíduos, chefe de família FRIEDRICH FUCHS.
  • GABLER - Vindos em 1898, não consta o Navio, em 8 indivíduos, chefe de família AUGUST GABLER.
  • GAEDE - Vindos em 1868 de Brandemburg, no Navio Juparanã, em 4 indivíduos, chefe de família WILHELM GAEDE.
  • GEGENHEIMER - Vindos do Hesse, distrito de Damstadt em 1859, no Navio Virginie, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM JOSEPH GEGENHEIMER.
  • GEICK - Vindos de Branbemburg, Lenzend em 1858, no Navio Fluminense, em 6 indivíduos, chefe de família WILHELM JOACHIM GEICK.
  • GOETZEN - Vindos da Saxônia em 1869 no Navio Mucury em 6. indivíduos, chefe de família FRIEDRICH GOETZEN.
  • GÖHRINGER - Vindo em 1941, não consta o Navio, sozinho, chefe de família KARL GÖHRINGER.
  • GOLDNER - Vindos da Saxônia em 1874, não consta o Navio, sozinho, chefe de família ERNEST GOLDNER.
  • GOLDNER - Vindos em 1889 no Navio Araruama em 2 indivíduos, chefe de família EMIL GOLDNER.
  • GOTTSCHALK - Vinda do Hesse, em 1859, no Navio a. Borsig, sozinha, chefe de família MARIE GOTTSCHALK.
  • GRABENC - Vindo em 1891, não consta o Navio, sozinho, chefe de família STEFAN GRABENC.
  • GRAMLICH - Vindos de Baden em 1859, no Navio Mucury, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM GRAMLICH.
  • GUDE - Vindos em 1874, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família JOHANN WILHELM GUDE.
  • GÜRTLER - Vindos em 1857, no Navio Mucury, em 2 indivíduos, chefe de família AUGUST GÜRTLER.
  • HAASE- Vindos em 1860 de Leipzig em 2 indivíduos no Navio Mucury, chefe de família OTTO HAASE.
  • HÄHLE - Vindos em 1860 da Saxônia, distrito de Frankemberg, no Navio Mucury, sozinho, chefe de família HERMANN FRIEDRICH HÄHLE.
  • HAHU - Vindos em 1946 de Velbert, não consta o Navio, em 2 indivíduos, chefe de família ARTUR HAHU.
  • HAMANN - Vindos em 1858 de Brandemburg em 4 indivíduos no Navio Fluminense, chefe de família FRIEDRICH HAMANN.
  • HARCHEIN - Vindo em 1891, no Navio Pernambuco, Sozinho, chefe de família FRANZ HARCHEIN.
  • HARMS - Vindos do Schleswig, em 1857, no Navio Mucury, em 4 indivíduos, chefe de família MARGARETHA HARMS.
  • HASENACK - Vindo em 1880 da Westphalia, sozinho, não consta Navio, chefe de família FREDERICK HASENACK.
  • HEGNER - Vindo de Freiburg em 1942, não consta Navio, sozinho, chefe de família ANTON HEGNER.
  • HEIDMANN - Vindos de Brandemburg em 1858 no Navio Fluminense em 4 indivíduos, chefe de família JOHANN HEIDMANN.
  • HERBST - Vindos do Hesse em 1859 no Navio Mucury em 10 indivíduos, chefe de família CONRAD HERBST.
  • HERTEL - Vindo em 1859, não consta o Navio, sozinho, chefe de família GEORG HERTEL.
  • HERTZ - Vindos da Alsácia em 1858, não consta o Navio, em 3 indivíduos, chefe de família GEORG HERTZ.
  • HERZOG - Vindos da Saxônia em 1860 no Navio Mucury em 5 indivíduos, chefe de família SAMUEL HERZOG.
  • HESTUER - Vinda em 1872 da Bohemia, no Navio Ceres, sozinha, chefe de familia ANNA HESTUER.
  • HINTZ - Vindo em 1973 no Navio Guttemberg, em 6 indivíduos, chefe de familia ALBERT HINTZ.
  • HOCHNERT - Vindos em 1859 da Saxônia, não consta o Navio, em 7 indivíduos, chefe de familia FRIEDRICH HOCHNERT.
  • HOCHSTROH - Vindos em 1895 no Navio Maranhão, sozinho, chefe de familia WILHELMINE HOCHSTROH.
  • HOLZ - Vindos em 1858 de Brandemburg, no Navio Fluminense, em 7 indivíduos, chefe de familia FRIEDRICH HOLZ.
  • HOPF - Vindo em 1873 da Saxônia, no Navio Adolph, sozinho, chefe de familia HERMANN HOPF.
  • HORBELT - Vindos em 1860 da Wetphalia, no Navio Belgique, em 5 indivíduos, chefe de familia JOHANN HEINRICH HORBELT.
  • HÜFNER - Vindos da Saxônia em 1858, não consta o Navio em 6 indivíduos, chefe de família FRANZ HÜFNER.
  • HÜFNER - Vindos da Saxônia distrito de Chemnitz em 1860 no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família JOHANN FRIEDRICH HÜFNER.
  • LÜHRS - Vindos de Brandemburg, distrito de Lenzen em 1858, no Navio Fluminense, em 5 indivíduos, chefe de família JOACHIM LÜHRS.
  • SEIDEL - Vindos da Saxônia distrito de Werdau em 1890 no Navio Mayrink em 5 indivíduos, chefe de família EMIL SEIDEL.
  • STEENDERT - Vindos da Westphalia, distrito de Sudlohn em 1860 no Navio Belgique em 7 indivíduos, chefe de família JOSEPH STEENDERT.
  • WAGNER - Vindos da Saxônia em 1880, no Navio Presidente, em 5 indivíduos, chefe de família FRANZ LUDWIG WAGNER.

Imigrantes Luxemburgueses

Imigrantes luxemburgueses

Os luxemburgueses foram aqueles que mais se movimentaram pela região de Santa Leopoldina.

Eles chegaram ao Espírito Santo por volta de 1859. Muitos deles se dirigiram para Campinho (hoje Domingos Martins).

Mesmo antes da crise do café, na década de 30, deixaram Santa Leopoldina e Domingos Martins em busca de centros maiores. Poucos permaneceram na região de Santa Leopoldina. Eles chegaram a região em 1859 em um número de 70 pessoas.

Os luxemburgueses assim como os suíços foram praticamente assimilados pela etnia alemã. Falavam também alemão e eram considerados alemães.

Famílias Luxemburguesas que colonizaram Santa Leopoldina:

  • BROMMERSCHENKEL - Vindos de Luxemburgo no Navio Fluminense em 1859 em 5 indivíduos, chefe de família NIKOLAU BROMMERSCHENKEL.
  • DRECHSLER - Vindos em 1858, não consta o Navio, em 3 indivíduos, chefe de família WILHELM DRECHSLER.
  • ENTRINGER - Vindos em 1858 no Navio Fluminense em 10 indivíduos, chefe de família HEINRICH ENTRINGER.
  • FLAMANG - Vindos em 1858, não consta o Navio, em 7 indivíduos, chefe de família CATHARINA FLAMANG.
  • GOENNERING (Gonoring) - Vindos em 1858 no Navio Fluminense em 10 indivíduos, chefe de família PETER GOENNERING.

segunda-feira, 12 de março de 2012

Imigrantes Holandeses

Imigrantes holandeses

Os Zeeuwse, em um total de 245 pessoas, deixaram a Holanda com destino ao Espírito Santo entre 1858 a 1861. Os Zeeuwse partiram do porto da cidade de Zeeuwses Vlaanderen (fronteira com a Bélgica) da Província de Zeeland (em português: Terra do Mar), Países Baixos. Além do holandês eles falam um dialeto próprio.

Aos holandeses foram destinados terrenos próximos aos tiroleses (Município de Santa Leopoldina e arredores), terrenos esses cobertos de matas virgens. Interessante observar que, para montar suas propriedades, eles adotaram um modelo em círculo: montavam suas casas na confluência do círculo, numatentativa de fazer as famílias ficarem bem próximas umas das outras, protegendo-se dessa maneira, dos bichos das matas tropicais. Faziam a derrubada dessas matas de maneira que elas obedecessem ao mesmo ritmo, com o objetivo de que os terrenos fossem sendo abertos de forma semelhante. Organizavam-se em mutirões para realização das tarefas. A falta de recursos os obrigou a aceitar empregos nas fazendas da região, substituindo os escravos libertos.

Famílias Holandeses que colonizaram Santa Leopoldina:
  • ANDRIESEN - Vindos de Zeeland, Província de Zeeuwsch-Vlaanderen e Distrito de Zuidzand em 1860, no Navio Mucury em 6 indivíduos, chefe de família IZAAK ANDRIESEN.
  • BAAS - Vindos de Zeeland, Província de Zeeuwsch-Vlaanderen e Distrito de Retranchement em 1861, não consta o Navio em 4 indivíduos, chefe de família PIETER BAAS.
  • BANCKAERT - Vindos de Zeeland, Província de Zeeuwsch-Vlaanderen e Distrito de Groede em 1859, não consta Navio em 4 indivíduos, chefe de família PIETER BANCKAERT.
  • BARRA - Vindos de Zeeland, do distrito de Schoondijke em 1861 no Navio São Matheus, em 8 indivíduos, chefe de família PIETER BARRA.
  • BOONE - Vindos de Zeeland, distrito de Nieuwvliet em 1860, no Navio Mucury, em 5 indivíduos, chefe de família ISAAK BOONE.
  • BOONE - Vindos de Zeeland, distrito de Groede em 1861, não consta o navio, em 6 indivíduos, chefe de família ELISABETH SCHIJVE. Ps. família composta por 3 Boone filhos de Elisabeth, e mais uma agregada.
  • BRUGNE - Vindo em 1859, não consta o Navio, sozinho, chefe de família JOHANN BRUGNE.
  • DU BOIS - Vindos de Zeeland, distrito de Nieuwvliet em 1860 no Navio Mucury em 4 indivíduos, chefe de família IZAAK DU BOIS.
  • CATSEMAN - Vindos de Zeeland, distrito de Ljzendijke em 1860 no Navio Mucury em 7 indivíduos, chefe de família JACOB CATSEMAN.
  • CHAMBERY - Vinda de Zeeland, distrito de Oostburg em 1861 no Navio São Matheus, sozinha como agragada, chefe de família PIETERNELA CHAMBERY.
  • DE BRUIJNE - Vindos de Zeeland, do distrito de Groede em 1859 no Navio Hertig Oscar Frederick, em 4 indivíduos, chefe de família PIETER JOANNIS DE BRUIJNE.
  • DE MERSSEMAN - Vindos de Zeeland, do distrito de Oostgburg em 1861 no Navio São Matheus, em 5 indivíduos, chefe de família JANSJE DE MERSSEMAN.
  • DEN HOLLANDER - Vindos de Zeeland, do distrito de Zuidzand em 1861, não consta o Navio, em 10 indivíduos, chefe de família MARINUS DEN HOLLANDER.
  • EEKHOUT - Vindo de Zeeland, distrito de Retranchment, em 1860, no navio Mucury, sozinho, chefe de família ADRIAN EEKHOUT.
  • FREIMOUW - Vindos em 1860 de Zeeland, distrito de Zuidzand, no Navio Mucury, em 3 indivíduos, chefe de família IZAAK FREIMOUW.
  • GILLIKE - Vindos de Zeeland, do distrito de Zuidzand em 1859, não consta Navio, em 2 indivíduos, chefe de família ABRAHAM GILLIKE.
  • GILLIKE - Vindos de Zeeland em 1859, não consta o navio, em 6 indivíduos, chefe de família JANNIS GILLIKE.
  • HALKERZ - Vindos em 1859, não consta o Navio, em 8 indivíduos, chefe de família JOHANN HALKERZ.
  • HEULER - Vindos em 1862 de Zeeland, distrito de Nieuwvliet, não consta o Navio, em 7 indivíduos, chefe de familia PIETER HEULER.
  • HOEVENAAR - Vindos de Zeeland, Província de Zeeuwsch-Vlaanderen e Distrito de Cadzand em 1860, no Navio Mucury em 5 indivíduos, chefe de família ABRAHAN HOEVENAAR.
  • LEENHOUTS - Vindos de Zeland distrito de Schoondijkeem 1862, não consta o Navio, em 8 indivíduos, chefe de família IZAAK JANNIS LEENHOUTS.

As noivas de preto (casamento pomerano)

Casamento de Denise Wandersee Petersen
Em minha opinião pessoal, de todo o vasto conteúdo histórico e cultural que possuímos, o casamento dentro da tradição pomerana é a coisa mais linda e intrigante que existe, quando se conhece o que está por trás do significado de cada detalhe.

Ao lado foto de minha prima Denise de Santa Catarina que não esqueceu de honrar nossas origens casando-se de preto, rompendo com tabus, tradição do branco e escândalos da parte de muitos que não sabem o significado do mesmo. Denise, este post é em homenagem a você, sou seu fã.

Essa linda história teve início do outro lado do Atlântico, período ao qual a Pomerânia estava sob o julgo dos senhores poloneses, surgindo na verdade como uma forma de protesto. Em meio às montanhas do Estado do Espírito Santo, contudo, um pedaço da Pomerânia sobrevive ainda hoje. Em algumas famílias capixabas, as mulheres se casam de preto desde a idade média, tradição esta que não existe mais na antiga Província da Pomerânia. O dialeto na Europa desapareceu e dado como extinto, em terras capixabas, tanto o dialeto como as tradições permanecem bem vivos, e o casamento também.

A tradição de casar de preto nasceu como protesto, no tempo em que a primeira noite de núpcias, era com o senhor feudal. Por isso, quando uma moça se casava, sua primeira noite não era com o marido, mas com o senhor das terras. Logo, elas começaram a vestir-se de preto em sinal de protesto, amarrando em suas cinturas uma fita verde, para mostrar que ainda tinham esperança de se livrar da tirania daquela época.

Uma outra linha de pensamento, defende a teoria de que as pessoas na Pomerânia eram muito pobres, e por isso, ao se casarem, as jovens compravam vestidos pretos que poderiam ser usados posteriormente em outras ocasiões.

Mas fato é, o direito do senhor feudal sobre seus corpos acabou há séculos, mas o que um dia foi protesto se transformou em tradição que perdura a séculos. Sendo assim, o preto foi incorporado ao Pommerhochtied - o casamento à moda pomerana, onde o ritual inteiro dura três dias, e é um dos pontos mais fortes de união na vida da comunidade.

O convite não é impresso, um convidador vai de casa em casa e recitando versos em pomeranos. E um mês antes da data marcada para o grande dia, como manda a tradição, os noivos são apresentados oficialmente à comunidade durante um culto, em um evento, conhecido como Afbar, o casamento é anunciado.

A comunidade passa a girar em torno do casamento. O primeiro personagem a entrar em cena é o Hochtiedsbirrer, o "convidador" da cidade, e o seu papel é central. A tradição pomerana não aceita os convites de casamento impressos em gráficas. Até mesmo porque, o dialeto não tem grafia e gramática oficiais.

Os parentes e amigos dos noivos são chamados oralmente para o casamento, e o convite deve ser em forma de versos pomeranos, e quem faz isso é o convidador, que os noivos escolhem. Quinze dias antes da festa, ele sai a cavalo de casa em casa, portando um cajado, um chapéu e um colete, enfeitado com fitas coloridas e leva consigo, uma garrafa de aguardente. Quando o convidador chega, quem o recebe é a dona da casa, e ao aceitar o convite, ela prega uma fita colorida no colete do convidador. e logo em seguida, o casal toma um gole da aguardente do convidador.

Uma semana mais tarde, a comunidade começa a se movimentar para ajudar na organização do banquete de casamento. Cada família convidada presenteia os noivos com alimentos para serem usados como ingredientes na festa: frangos, arroz, banha, batata-doce, leite, manteiga, gengibre e utensílios de cozinha. A comida precisa ser farta, variada e tipicamente pomerana.

Na véspera do casamento, sempre uma sexta-feira, as mulheres da comunidade põem lenços e toucas na cabeça e se reúnem bem cedo na cozinha da mãe da noiva. As festas costumavam começar às quintas-feiras, mas a rotina do trabalho, com o tempo forçou a mudança de dia. Sendo que, o comando da cozinha fica com a dona da casa. Cabe a ela liderar a confecção da massa do brote, o pão típico que é o centro da mesa do banquete. Feito à base de farinha de trigo ou milho, o brote ganhou ingredientes tropicais após a migração dos pomeranos para o Brasil.

Dentro do próprio casamento tem algumas tradições como o quebra louças e o tiro.